quinta-feira, 30 de outubro de 2014

A agenda do PT-PR pós eleições

As eleições 2014 já terminaram, mas o péssimo momento que vive o PT do Paraná ainda está longe de terminar. O pífio desempenho de Gleisi Hoffmann na disputa pelo Palácio Iguaçu - ficou num distante terceiro lugar - e a perda de deputados deverão se somar à uma agenda negativa de eventos para o petismo nativo nos próximos meses.
O mais explosivo dos elementos é, sem dúvida, a convocação de Gleisi Hoffmann para explicar sua possível ligação com os esquemas de corrupção na Petrobras. A lista segue abaixo e tende a aumentar.

- Julgamento da perda de mandato do atual deputado ex-petista, o londrinense André Vargas no TSE (processo 41149), parado em 15 de outubro por pedido de vistas do ministro Gilmar Mendes, após o voto favorável da relatora Luciana Lóssio pela exclusão do londrinense da lista de parlamentares em Brasília;

- Julgamento da extradição do ex-diretor de marketing do Banco do Brasil, o petista toledano Henrique Pizzolatto pela Justiça italiana, que o prendeu após fugir para não cumprir pena imposta pelo STF pelo seu envolvimento no escândalo do Mensalão;

- Julgamento do pedido no STF de prisão domiciliar do petista José Dirceu, pai do deputado de Cruzeiro do Oeste, Zeca Dirceu;

- Votação, na CPMI da Petrobras, do requerimento de convocação do casal dirigente petista Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann para falar sobre a entrega de R$ 1 milhão em shopping de Curitiba, desviado da empresa no esquema conhecido como Petrolão;

- Publicação da exoneração do ainda tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, do cargo de Conselheiro de Administração da Itaipu após a denúncia dos delatores Alberto Youssef e Paulo Roberto Costa.

- Luta por cargos para os petistas que não conseguiram se reeleger. Rusgas na relação com o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, que sofrerá pressões para acomodar os companheiros;

- Julgamento de mais crimes de pedofilia do ex-assessor de Gleisi, Eduardo Gaievski, já condenado a 18 anos de prisão pelo primeiro crime dos 32 que estão correndo na Justiça. E por ai vai.

Banco Central aumenta a taxa de juros 3 dias após a eleição RAPIDINHAS DO BLOG


Pela primeira vez em seis meses, o Banco Central (BC) alterou os juros básicos da economia. Por 5 votos a 3, o Comitê de Política Monetária (Copom) decidiu elevar a taxa Selic para 11,25% ao ano. A taxa está no maior nível desde novembro de 2011, quando estava em 11,5% ao ano. A taxa Selic é o principal instrumento do BC para manter a inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), dentro da meta estabelecida pela equipe econômica. De acordo com o Conselho Monetário Nacional (CMN), a meta de inflação corresponde a 4,5% (centro da meta), com margem de tolerância de 2 pontos percentuais, podendo variar entre 2,5% (piso da meta) e 6,5% (teto da meta). Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA acumulado em 12 meses estava em 6,75% até setembro, acima do teto da meta. De acordo com o boletim Focus, pesquisa semanal com instituições financeiras divulgada pelo Banco Central, o IPCA deverá desacelerar nos próximos meses e encerrar 2014 em 6,45%.
A taxa é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve como referência para as demais taxas de juros da economia. Ao reajustá-la, o Banco Central contém o excesso de demanda, que se reflete no aumento de preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Ao reduzir os juros básicos, o Copom barateia o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas alivia o controle sobre a inflação.

CONFIRA A SUA INSCRIÇÃO NO ENEM 2014

Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 já podem conferir seus cartões de confirmação de inscrição . O sistema de consulta ao cartão está disponível na página do exame na internet. Para acessá-lo, é preciso informar CPF e senha para conferir e imprimir o documento. Os cartões de segunda-feira, 27, começaram a ser  enviados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) pelo correio também começarão a chegar aos endereços informados no ato de inscrição pelos participantes.
Informações
Os cartões de confirmação apresentam os dados pessoais do participante – nome; cadastro de pessoa física (CPF); número de inscrição no Enem; data, hora e local de realização das provas; opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol), necessidade de atendimento especializado ou específico (quando houver) e indicação de solicitação de certificação do ensino médio (se for o caso).
Em casos de cartões devolvidos, o Inep entra em contato com os participantes por meio de SMS e mensagem eletrônica, por celular e e-mail informados ao instituto no ato da inscrição. Quem não receber o cartão, não conseguir imprimi-lo pela internet ou constatar erro no documento, deve entrar em contato com o atendimento ao participante, pelo telefone 0800 61 61 61. 
Recorde de inscritos
Além de servir de acesso ao ensino superior, o Enem também serve como certificação do ensino médio. Quase um milhão de participantes do Enem farão o exame para conseguir a certificação. A prova ainda é critério para bolsas do Programa Universidade Para Todos (ProUni), Financiamento Estudantil (Fies) e Ciência Sem Fronteiras.
Com 8,7 milhões de inscritos em 2014, esta é a maior edição do Enem. Do total de participantes, 20% estão concluindo o ensino médio neste ano e 57% já concluíram. Cerca de 1,4 milhão de estudantes (17%) ainda estão na educação básica e não se formarão neste ano. Farão a prova como treino.
Fonte: Agência Estado

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Escritor colombense Silvio Kurzlop é nomeado gestor do CEU de Colombo




Silvio Kurzlop
A cidade de Colombo abre as portas do CEU para 'Mudar o Amanhã' da cultura colombense. O CEU - Centro de Artes e Esportes Unificados, foi construído em parceria entre o Governo Federal e a Prefeitura Municipal, que cedeu o terreno e ficou responsável pelas obras de infraestrutura em seu entorno, bem como a gestão e manutenção do Centro. Para que haja uma coordenação que possa garantir todas as ações desenvolvidas no CEU a prefeita Beti Pavin, nomeou o escritor Silvio Kurzlop como gestor do centro. A nomeação do escritor já recebeu elogios e apoios de diversos segmentos da sociedade. Em relação a escolha, foi tomado todos os cuidados para não ser uma nomeação politica, mas alguém que tivesse identificação com o cargo. Só para o leitor entender, Silvio kurzlop não é filiado a partido político e isso serve como aviso caso alguém queira usar o centro para promoção politica.

Silvio Kurzlop 
  ' O que mais me agradou é poder fazer uma gestão compartilhada com a comunidade e poder trabalhar com diversos segmentos, além da comunidade, teremos entidades, instituições, grupos artísticos, culturais e esportivos que irão desenvolver suas atividades  nesse centro, disse Silvio.

Para administrar  o CEU de Colombo,  foi formado um  grupo de 18 pessoas, composto por 6 gestores da sociedade civil organizada, 6 gestores indicados pela comunidade e 6 gestores indicados pela prefeitura.  'Agora só depende de nós para fazer aconteceu e ajudar a cidade de Colombo a definir qual é o seu perfil cultural e resgatar o orgulho de ser colombense, disse Silvio Kurzlop, com brilhos nos olhos diante da beleza do CEU, considerado pelo Ministro da Cultura  o mais bonito da Brasil.

O prazo previsto para inauguração é janeiro de 2015, mas esse prazo não impediu que Silvio Kurzlop fosse de corpo e alma para o CEU para  deixar tudo organizado .

Fotos; Blog Ivan de Colombo

AUDIO DA ENTREVISTA COM O VEREADOR SÉRGIO PINHEIRO NA RÁDIO COLOMBO WEB

O vice-presidente da Câmara  Municipal de Colombo, Sérgio Pinheiro, disse em entrevista que o trabalho dos vereadores consiste em elaborar as leis que são de competência do Município, além da discussão e votação de projetos que serão transformados em Leis, buscando sempre organizar a vida da comunidade. 'Nós Vereadores temos o poder aprovar e apresentar projetos de Leis, além  do dever de fiscalizar a administração, é isso que fazemos. Sabemos que existe uma visão diferente em relação ao nosso trabalho, quem sabe por falta de divulgação por parte da Câmara que deixa de divulgar os trabalhos realizados pelos 21 vereadores,diz o vereador.

Sérgio Pinheiro também compactua com a ideia de se promover uma rotatividade entre os servidores, ou seja, a implantação de um treinamento posto a posto em diversos setores, onde atuam servidores contratados e  comissionados. Em relação a formação politica foi dado como sugestão ao vereador a implantação de atividades de cidadania e politica nas escolas municipais. Sobre o seu trabalho como vereador ele disse,  'Estou tentando fazer o meu máximo, pois se recebi uma quantidade de votos considerável para está nessa função como vereador, procuro participar dos problemas da comunidade, visito as comunidades sempre no intuito de colaborar com a prefeita Beti Pavin para um bom andamento da cidade de Colombo e também na hora de votar em plenário'. 

O vereador também foi questionado sobre a possibilidade de promover uma campanha de conscientização politica aos eleitores colombenses, algo que nesse momento é necessário fazer com que o cidadão compreenda minimamente o processo legislativo e o processo orçamentário, assim a fiscalização e a participação politica por parte da sociedade torna-se mais efetiva. Em relação ao projeto Gibinha, o vereador destacou a importância do esporte como uma ferramenta para o desenvolvimento e um forte aliado para tirar crianças e jovens das ruas e drogas, formando assim verdadeiros cidadãos. Ouça agora a entrevista completa.

ACIDENTE ENTRE CAMINHÃO E ÔNIBUS DE EXCURSÃO CAUSA A MORTE DE 11 ESTUDANTES



Um grave acidente entre um caminhão e um ônibus de estudantes deixou 11 mortos e 30 feridos por volta das 23h de segunda-feira (27), em Ibitinga, a aproximadamente de 360 quilômetros de São Paulo. O acidente foi na altura do quilômetro 370 da Rodovia Leônidas Pacheco Ferreira (SP-304). O impacto da batida foi tão forte que a lateral do ônibus foi arrancada e alguns dos passageiros – entre eles pelo menos seis adolescentes, de 15 a 17 anos – foram arremessados para fora do veículo. As vítimas morreram na hora. Vários passageiros ficaram presos nas ferragens.

Na manhã desta desta terça-feira (28) os bombeiros localizaram a 11ª vítima. O corpo – totalmente carbonizado – foi encontrado nos destroços da carreta, que transportava óleo vegetal e pegou fogo após a colisão. O motorista do caminhão sofreu ferimentos leves. Já o motorista do ônibus ficou gravemente ferido. O incêndio no local da batida só foi contido duas horas depois, por equipes do Corpo de Bombeiros.  Os estudantes tinham saído de São Paulo, onde participaram de uma excursão, e seguiam para Borborema. A colisão foi a aproximadamente 30 quilômetros do destino final, em um trecho da rodovia que está em obras. Por causa do acidente, a rodovia, que é de mão dupla, está operando com pista simples, no sistema Pare e Siga.
Vítimas
A Secretaria de Educação de Borborema confirmou a morte das professoras da escola Dom Gastão Liberal Pinto: Márcia Martins de Carvalho Biasotto, Roseneide Aparecida Caseta Montera, Margarete Aparecida Lucas dos Santos. Também morreu a diretora da Escola Municipal Ana Rosa: Marisa Aparecida Mansano dos Santos. Os nomes dos adolescentes ainda não foram confirmados pelo Instituto de Criminalística de Araraquara. Os feridos  em estado grave foram encaminhados para os hospitais de Ibitinga e Borborema.

A secretária de Educação, Maria Ângela de Martins, contou que três ônibus participavam da excursão. Dois deles já tinham chegado ao destino final. “Essa empresa de ônibus sempre fazia as viagens 'organizadas pelas escolas'”, observou a secretária. Os corpos foram levados para o IML de Araraquara e devem ser liberados até o fim da manhã, para serem velados em uma cerimônia coletiva em Borborema. 
Fonte: G1/SP

Indicado por Lula, Henrique Meirelles pode ser o novo Ministro da Fazenda - RAPIDINHAS DO BLOG

Lula e Meirelles
De olho em 2018, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já está fazendo sombra no palácio do planalto. Dizem que participará ativamente do governo Dilma, e já teria indicado três nomes para comandar o Ministério da Fazendo no segundo mandato da presidente Dilma Rousseff.
De acordo com informações da revista Exame, os ex-presidente já teria entregue uma lista de 3 nomes, na lista constam o presidente executivo do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, o executivo e ex-presidente do Banco Central do Brasil, Henrique Meirelles e o ex-secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa.



APÓS SER REELEITA DILMA PREPARA O AUMENTO DA GASOLINA PARA SALVAR A PETROBRAS....

O governo espera acalmar o mercado financeiro com o anúncio, em breve, do reajuste dos preços dos combustíveis, informou uma fonte no governo. Em uma só tacada, a ideia é aplacar o mau humor do mercado e atender às necessidades de recomposição de caixa da Petrobras. O Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, apurou, porém, que o reajuste deve ser menor do que vem pedindo a presidente da estatal, Graça Foster, nos últimos meses. 

O Palácio do Planalto ainda não bateu o martelo sobre quando será o aumento de preço, mas o tema está na pauta da reunião do conselho de administração da companhia. Na manhã seguinte ao resultado das eleições, a Petrobras divulgou dois comunicados positivos aos investidores, mas, ainda assim, as ações se mantiveram em queda durante o dia. As ações preferenciais caíram 12,33% e as ordinárias, 11,34%. Antes da abertura das operações financeiras na BM&FBovespa, foi anunciada a descoberta de petróleo na perfuração do primeiro poço do super campo de Libra, pré-sal da Bacia de Santos, que já estava registrada desde sexta-feira, 24, na Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP). 

A produção no pré-sal foi um trunfo usado na campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff, que promete transformar o petróleo em R$ 1,3 trilhão para a educação em 35 anos. Em seguida, a Petrobras comunicou a contratação de duas consultorias para investigar casos de corrupção na empresa, outro tema muito debatido nos últimos meses. 

Mas nada conteve a queda dos papéis. O reajuste dos combustíveis, que, pela perspectiva do governo, vai melhorar o ânimo do mercado, está na pauta da reunião do conselho de administração da próxima sexta-feira (31). O ministro da Fazenda, Guido Mantega, já disse que aumentos de preços ocorrerão ainda em 2014, seguindo a tradição de conceder ao menos um reajuste a cada ano. Dentro do conselho de  administração, no entanto, não há um consenso de que este seja o melhor momento. (Estadão)


LULA JÁ É CANDIDATO PARA 2018, “Se me encherem muito o saco, eu volto em 2018″.


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva quer concorrer ao Palácio do Planalto em 2018 e, para tanto, avalia que precisa ter maior protagonismo no segundo governo de Dilma Rousseff. No diagnóstico de Lula, Dilma precisa sair do isolamento nos próximos quatro anos e se reaproximar dos políticos, dos empresários e dos movimentos sociais, sob pena de o PT enfrentar problemas para se manter no poder depois de mais quatro anos. Sábado, em São Bernardo do Campo, o ex-presidente chegou a falar em “lacerdismo”. A cúpula do PT chega ao fim da eleição dividida entre “lulistas” e “dilmistas” na disputa por espaço. 

Nos bastidores, porém, mesmo os mais próximos de Dilma afirmam que Lula é unanimidade no partido para a disputa de 2018, embora tenha sofrido reveses com as derrotas de seus afilhados em São Paulo e no Rio de Janeiro. “Se Lula quiser ser candidato a qualquer coisa, terá o meu apoio e eu estarei a seu lado, como sempre estive em todas as campanhas, desde a de 1982, quando ele concorreu ao governo de São Paulo”, afirmou o chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante. 

O ministro negou especulações de que esteja se movimentando para enfrentar Lula e disputar o Palácio do Planalto, em 2018. “Isso é bobagem. Eu já cumpri minha missão e não disputarei mais nada se não houver reforma política e se as regras de financiamento de campanha não mudarem”, afirmou Mercadante. “Lula é o candidato do coração da militância do PT e não há nenhuma discussão no partido que não seja a do nome dele.”

Substitutos
Além de Mercadante, os nomes do governador da Bahia, Jaques Wagner, do governador eleito de Minas Gerais, Fernando Pimentel, e do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, são citados como possíveis substitutos de Lula nas próximas eleições. 

Para Jaques Wagner, antes de discutir 2018, o PT precisa ser reformado. Ao lembrar que desde o escândalo do mensalão, em 2005 o partido vem sofrendo sucessivo processo de desgaste, Wagner disse ser necessário se concentrar primeiro nas mudanças internas. 

“Lula também quer discutir esse ódio que brotou contra o PT”, comentou o governador. “O que aconteceu em São Paulo, por exemplo? Foi só que não conseguimos ter o desempenho esperado ou é o sucesso do tucanato lá?” Na avaliação de Wagner, é “óbvio” que Lula é o candidato natural do partido na disputa de 2018. “Se ele disser ‘eu topo’ não tem discussão. Ele sempre será nossa reserva política e eleitoral”, argumentou o governador da Bahia, ele próprio vítima da hostilidade antipetista quando deixava um restaurante com a família, em São Paulo, na semana passada.

A partir de fevereiro, o grupo mais próximo de Lula dará início aos preparativos para pavimentar o caminho do ex-presidente até 2018. “Agora é esperar a poeira da eleição baixar. No início do ano que vem vamos começar a trabalhar nisso”, disse o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, outro que não tem dúvida de que Lula será candidato. “Ele não diz que topa, mas não diz que não topa. Então ele topa”, concluiu Marinho.
Em público, Lula já deu várias declarações sobre a perspectiva de retornar ao Planalto. No ano passado, ao falar sobre o futuro do PT para uma plateia de aliados do Paraná, desabafou: “Se me encherem muito o saco, eu volto em 2018″.
 (Agência Estado)

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Entrevista com Vice-Presidente da Câmara Municipal de Colombo, Sérgio Pinheiro

A Rádio Colombo web entrevistou na noite de ontem no programa " Bate Papo ",  o vereador e vice-presidente da Câmara Municipal de Colombo, Sérgio  Pinheiro(PROS).
Sérgio Pinheiro é funcionário concursado da prefeitura municipal de Colombo, atualmente licenciado por estar exercendo o mandato de vereador. O vereador falou sobre o seu trabalho de vereador e como vice-presidente da Câmara Municipal. No momento  o que mais chama a sua atenção é a implantação do projeto Gibinha que junto com a prefeita Beti Pavin está implantando em Colombo. Você que não ouviu a entrevista na Rádio Colombo Web, acompanhe  a entrevista completa ainda hoje  no Blog Nilton do Rim e aqui no Blog Ivan de Colombo.

Em uma rápida entrevista ao Blog Ivan de Colombo, ele respondeu que o motivo que o levou a tomar gosto pela política  foi a mãe. "  Foi minha mãe!! segui os passos da minha mãe Marta Pinheiro, essa guerreira, ex-vereadora de Colombo" brincou ele.  Sérgio acredita que a politica serve como uma ferramenta de mudanças  e que  o seu trabalho de vereador não se resume somente às sessões ordinárias, há todo um trabalho na cidade que exige a sua presença. " Eu acredito na política e vejo como uma ferramenta de mudanças. Na verdade, quando comecei na Comec,  não pensava em momento algum que chegaria a ser vereador de Colombo ou vice-presidente da Câmara Municipal. As coisas vieram acontecendo e, quando você pensa que não, você já está envolvido e as pessoas já estão cobrando a sua participação política  na vida da cidade", disse Sérgio.  

Em relação a prefeita Beti Pavin, o vereador vê como uma prefeita que mais investiu em infraestrutura na cidade " Nós que andamos e vivemos na cidade percebemos a mão da prefeita nas transformações da cidade. Algumas obras já foram concluídas e outras não, mas ainda há muito tempo e tenho certeza que com apoio dos vereadores as obras vão acontecer em toda a cidade e o povo saberá reconhecer o seu grande esforço", conclui o vereador.