segunda-feira, 1 de setembro de 2014

BETO RICHA INAUGURA COMITÊ EM COLOMBO

Na sexta-feira(28), o governador Beto Richa, candidato a reeleição ao governo do estado do Paraná, inaugurou seu comitê na cidade de Colombo, bairro Guaraituba.. Estiverem presente autoridades do município, candidatos a deputado estadual, federal, a prefeita Beti Pavin e vários correligionários na inauguração.
A prefeita ressaltou que a parceria com Beto Richa irá mudar os rumos de Colombo e aproveitou para pedir apoio para o candidato a deputado estadual professor  Waldirlei Bueno e Pelé para federal. " Reelegendo Beto Richa e elegendo Waldirlei e Pelé, Colombo além do apoio do governo estadual, voltará a contar com os recursos das emendas parlamentares para que as obras cheguem e beneficiem a população como um todo, disse a prefeita.  


Em relação a falta de combustíveis o governador esclareceu," Adquirimos  1450 viaturas, na época de Requião existiam poucas viaturas, por isso esse problema não existia. Eram pouquíssimas viaturas e "sucateadas". Prefeitos do interior me dizem que eles tinham que abastecer para as viaturas rodarem em suas cidades. Presidente de associações comerciais bancavam oficina, porque as viaturas ficavam estareladas em reparos pela antiguidades desses veículos. 

Beto Richa falou sobre o ataque ao seu programa de resgate aéreo " No passado as aeronaves eram usadas para trasportar autoridades, hoje as quatro bases instaladas no estado salvam vidas em todo o Paraná. O Paraná não pode voltar atrás, ao tempo da turbulência, da agressividade, dos mal tratos, do desrespeito, ao atraso que até hoje custa caro ao nosso estado, conclui Beto Richa. 

Dilma veta pela segunda vez novas regras para criação de municípios


A presidente Dilma Rousseff vetou integralmente o projeto de lei aprovado no início do mês pelo Senado que definia critérios para criação, emancipação e fusão de municípios. A decisão foi publicada na edição desta quarta-feira (27) do “Diário Oficial da União”.
A proposta havia sido elaborada após Dilma vetar integralmente, no ano passado, uma proposta semelhante, sob o argumento de que aumentaria as despesas públicas. Diante da ameaça de derrubada do veto pelo Congresso Nacional, a base aliada no Senado elaborou um novo texto, em acordo com o governo federal, tornando mais rigorosos os critérios para a emancipação de municípios.
Embora se reconheça o esforço de construção de um texto mais criterioso, a proposta não afasta o problema da responsabilidade fiscal na federação. Depreende-se que haverá aumento de despesas com as novas estruturas municipais sem que haja a correspondente geração de novas receitas.”

Texto do veto da presidente Dilma Rousseff : Na justificativa do veto, dirigida ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), a chefe do Executivo federal afirmou ter consultado o Ministério da Fazenda sobre os possíveis efeitos da nova legislação. De acordo com Dilma, a pasta apontou que, embora negociado entre o governo e os parlamentares, o texto aprovado pelos congressistas geraria despesas para custear a criação dos novos municípios, mas não condicionava as emancipações ao aumento de receitas.
“Ouvido, o Ministério da Fazenda manifestou-se pelo veto ao projeto de lei complementar pelas seguintes razões: Embora se reconheça o esforço de construção de um texto mais criterioso, a proposta não afasta o problema da responsabilidade fiscal na federação. Depreende-se que haverá aumento de despesas com as novas estruturas municipais sem que haja a correspondente geração de novas receitas”, informou a presidente.
Com a decisão, o veto da presidente deverá ser analisado pelo Congresso em sessão conjunta da Câmara e do Senado. Os parlamentares poderão manter o veto ou derrubá-lo.
O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), disse que será “muito difícil” manter o veto presidencial quando o assunto foi analisado pelo Congresso Nacional. Ele lembrou que o texto foi construído com participação de deputados, senadores e órgãos do próprio Planalto, como Casa Civil e Secretaria de Relações Institucionais. (G1)

Marina empata com Dilma e vence no segundo turno, segundo Datafolha















Pesquisa Datafolha divulgada na sexta-feira pelo "Jornal Nacional", da TV Globo, reforça o avanço da candidata Marina Silva (PSB) na disputa eleitoral, já identificado no levantamento do Ibope no início da semana. Segundo os novos dados, Dilma (PT) e Marina (PSB) estão empatadas com 34% das intenções de voto cada. Já o tucano Aécio Neves (PSDB) aparece com 15%. A candidata do PSB à Presidência da República, 19 pontos à frente de Aécio no primeiro turno, teria ainda 10 pontos de vantagem contra Dilma em um eventual segundo turno.
Marina cresceu 13 pontos em relação ao último levantamento do Datafolha, divulgado no dia 13 de agosto. Antes, a candidata do PSB tinha 21%, Dilma 36% e Aécio 20%. Na última pesquisa, brancos e nulos somavam 8% (agora são 7%). Indecisos eram 9% dos entrevistados (agora são 7%).

O Datafolha também simulou dois cenários para um possível segundo turno. Na disputa Dilma X Marina, a candidata do PSB aparece com 50% das intenções de voto, contra 40% de Dilma. Brancos e nulos somam 7%, e indecisos 3%. No levantamento anterior, Marina tinha 47%, contra 43% da petista.Na simulação Dilma X Aécio, a candidata à reeleição possui 48%, contra 40% do tucano. Brancos e nulos somam 9% e indecisos 4%. Na pesquisa anterior, a petista tinha 47% e Aécio 39%.

NANICOS
Na simulação do primeiro turno, Pastor Everaldo (PSC) obteve 2% das intenções de voto. Os demais candidatos não chegaram a mais de 1%.
A pesquisa entrevistou 2.874 eleitores nos dias 28 e 29 de agosto. O registro no TSE é BR00438/2014. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “Folha de S. Paulo”.

AVALIAÇÃO DO GOVERNO
O instituto também aferiu a avaliação do governo Dilma Rousseff. Segundo o levantamento, 39% dos entrevistados consideram a gestão regular, 35% ótima ou boa, e 26% ruim ou péssima. Em pesquisa divulgada há dez dias, as avaliações que consideravam o governo ótimo ou bom e regular estavam no mesmo patamar (38%). Já 23% achavam o governo ruim ou péssimo.

domingo, 31 de agosto de 2014

REQUIÃO FAZ APOLOGIA A VIOLÊNCIA NO PARANÁ ?

O ex-governador e atual senador Roberto Requião de Mello e Silva, em campanha pelo governo do Paraná, vem usando de palavras de baixa calão e agora faz  apologia à violência??

Logo, seus seguidores vão dizer que " bandido tem que ir pra cova” ou então “bandido bom é bandido morto”. Uma das “pérolas” da campanha já é o " taca-le o pau", o que mais o candidato irá aprontar ?? Requião é do tipo que acha que a "  mãe do bandido que deve chorar?".  
Vivemos novos tempos na segurança do estado e não podemos perder o jogo ao combate  à violência e repudiar a política de apologia a violência. Essa foto mostra claramente que devemos dizer não  a violência e continuar no caminho da paz.

sábado, 30 de agosto de 2014

QUEDA DE AVIÃO EM CURITIBA

Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas na queda de um avião de pequeno porte, Cessna modelo C-177, no bairro Bacacheri, em Curitiba. O avião caiu sobre uma casa e atingiu também um carro, na rua Alvaro Botelho, esquina com a rua Nicarágua.

Segundo o tenente-coronel Marcos Antônio dos Santos, do Cindacta II, a aeronave decolou às 13h24, com destino a Londrina, e apresentou problemas mecânicos no motor. O piloto, identificado como Cleber Luciano Gomes, tentou então retornar e pousar, mas o avião acabou caindo. Ele e o copiloto - este ainda não identificado - morreram na hora. A previsão era que o voo chegasse à cidade do Norte do Paraná às 15 horas.

Um dos passageiros, que sofreu queimaduras severas, foi levado para o Hospital Evangélico, em estado gravíssimo. O hospital chegou a informar que ele teria morrido, mas corrigiu a informação, dizendo que ele foi reanimado e passa por cirurgia. Ele foi identificado como Sílvio Roberto Romanelli,sobrinho do deputado estadual Luiz Claudio Romanelli (PMDB).

O outro passageiro da aeronave - ainda não identificado - sofreu fraturas múltiplas (tórax, coluna, face e pélvis) e foi transferido de helicóptero para o Hospital do Trabalhador (HT). Ele chegou consciente, foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e terá que passar por cirurgia. Até por volta das 17 horas, nenhum familiar havia chegado ao hospital procurando pelo ferido. Segundo o HT, o Cindacta enviará uma equipe para atuar na identificação.

Os corpos das duas vítimas fatais foram removidos do local pelo Instituto Médico Legal (IML) por volta das 16 horas.

O acidente

O avião Cessna, cujo prefixo é PT-DLA, saiu do Aeroporto Bacacheri com destino a Londrina, mas caiu logo após a decolagem. O aeroporto fica num bairro bastante populoso, na região norte da cidade. Ao cair, ele teve um princípio de incêndio.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) vai investigar as causas da queda. Uma equipe do órgão deve chegar a Curitiba no fim da tarde e, segundo o tenente-coronel Marcos Antônio dos Santos, terá três meses para concluir a investigação.

As ruas do entorno estão bloqueadas para o trânsito nesta tarde e muitos curiosos acompanham o trabalho das equipes de emergência na região.

Proprietário afirma que aeronave estava em bom estado

O proprietário do Cessna, Marcelo Baratao Montezuma, afirma que a aeronave estava em perfeitas condições de uso e que a adquiriu no início de maio de 2014. Segundo ele, o avião tinha capacidade total para quatro pessoas.

“Eu emprestei o avião para o Cléber [Gomes] e para o Silvio [Romanelli] irem buscar uma pessoa em Curitiba", afirmou.

O proprietário explicou que Gomes é piloto de avião e Romanelli aprendiz de piloto. Os três amigos participavam da 17ª Feira de Aviação, que ocorre neste final de semana em Maringá, no Noroeste do estado. “No final da manhã, eu troquei de chaves com o Cléber. Eu fiquei com o avião dele e ele foi com o meu [C-177]. No início da tarde recebi a informação de que o avião tinha caído poucos minutos após decolar do Aeroporto do Bacacheri", disse.
(Gazeta do Povo)

NIVALDO JNP DIZ QUE BETO RICHA É O MELHOR PARA COLOMBO

Durante o evento de inauguração do comitê do governador Beto Richa no bairro Guaraituba, o vereador Nivaldo JNP, afirmou que apoia o governador na sua reeleição. "O governador tem investido na segurança da nossa cidade e na liberação de recursos para obras de infraestrutura no município, além é claro no investimento e valorização dos professores do Paraná.

O vereador Nivaldo JNP(SD), disse que nesse um ano e meio de administrarão da prefeita Beti Pavin, o bairro Guaraituba saiu do atraso dos últimos anos. "A continuidade do governo Beto Richa, é a garantia de investimento em escolas e creches para que as mães possam trabalhar tranquilas e as crianças possam ter acesso à cultura e ao esporte. Sei das necessidades do bairro Guaraituba e da a importância da continuidade da parceria entre a prefeita Beti Pavin e o governador Beto Richa". resaltou Nivaldo JNP

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Canal de filme pornô com o dinheiro do povo para deputados federais


Tudo que pinta de novo sobra no....  do povo.  Os novos deputados eleitos para a Câmara Federal, além de um gordo salário de mais de R$ 25 mil, auxílio alimentação, transporte, moradia, verba de gabinete e outros " mimos", agora ganham como lazer o serviço de TV a cabo instalado nos gabinetes com direito a canal de conteúdo adulto, ou seja, vai virar uma zoa total, pois tem um grupo de deputado que não abrem mão do canal de filmes eróticos.
Em levantamento realizado pelo site Congresso em Foco, que obteve acesso às faturas se serviço da empresa Sky, pelo menos três federais utilizam o serviço através da verba multiuso, conhecida como ‘cotão’ para pagamento de inúmeras despesas, principalmente passagens aéreas, combustíveis e aluguel de veículos. Com essa cota, a Câmara e o Senado gastam por ano cerca de R$ 253 milhões.  
Renato Molling (PP-RS) contratou o serviço “combo” da Sky, que oferece mais de cem canais e outros 34 itens opcionais em alta definição. No pacote de Renato, coube ainda o serviço de transmissão do futebol brasileiro (“Brasileirão série A ou B + 1 campeonato estadual”) e a “Sex Zone HD”, uma zona digital dedicada a filmes, programas e demais atrações pornográficas. Renato diz não ter ideia do que há em seu serviço de TV por assinatura.




Flaviano Melo (PMDB-AC), também em seu segundo mandato, contratou o pacote mais caro, também da Sky, com serviços complementares e ampla oferta em transmissões de futebol. O valor da fatura é de R$ 422,35, com “serviços do mês” em R$ 432,35. Em um opcional, o parlamentar contratou um canal adulto por R$ 42,90. Flaviano não respondeu se foi ele quem pediu o filme adulto.

Já o deputado José Airton consumiu R$ 383 em TV a cabo. Ao todo, os “serviços do mês” totalizaram R$ 406,90 no pacote descrito como “Combos New Sky HDTV Super 2011 – M”, que custou R$ 299,90. Com o pacote opcional de futebol, esse valor foi acrescido de R$ 69,90. A fatura foi endereçada à Rua Riachuelo, 760, no bairro tradicional de Papicu, em Fortaleza (CE). Procurado por e-mail quanto pelo telefone de seu gabinete em Brasília, José Airton não foi encontrado. (Informações do Site congresso em Foco)

BETO RICHA VENCE O DEBATE E A ELEIÇÃO NO PARANÁ

No debate de ontem na Band, entre os candidatos ao governo do Paraná, os leitores de todo o estado tiveram a oportunidade de melhor avaliar as propostas e comportamento dos candidatos. É obviamente muito cedo para arriscar qualquer palpite sobre quem vai ganhar a disputa pelo Governo do Estado, mas se permanecer o atual quadro, uma coisa é certa: Beto Richa já venceu a eleição e Requião, seu principal concorrente volta para o senado junto com Gleisi para cumprirem  mais 4 anos de mandato. 

A expectativa porém do "eleitor-telespectador", era ver uma possível reação de Gleisi no intuito de mudar a atitude do PT em relação ao apoio velado a Requião e  buscar a segunda colocação nas próximas pesquisas. A candidata do PT, até tentou atacar Requião, mas depois quem sabe foi aconselhada a evitar e não bater no " poste de Dilma". Não é à toa que nos bastidores, fala-se até que, no fundo, o PT apoia o senador. Depois de poupar o senador, Gleisi  " cutucou com vara curta o candidato Túlio Bandeira e foi vitima do " Pau que bate em Chico, bate em Francisco", digo isso porque Gleisi ao trocar acusações com o candidato, ficou irritada quando o mesmo questionou a prisão de  seus amigos do mensalão e do pedófilo Eduardo Gaievski, depois disso Gleisi se apagou.

Por falar no senador Requião, ele continua mais sarcástico e desrespeitoso, inclusive o seu slogan de campanha é  Taca-le o pau", quem sabe por temer seus adversários e por falta de  propostas. Requião veste nessa campanha  a camisa do " sujo que fala do mal lavado", ao se referir ao  pedágio, pois o seu candidato ao senado, Marcelo Almeida, é um dos maiores donos de pedágio no Paraná., em tese , seu financiador de campanha, sendo assim o pedágio não abaixa e nunca acabará em seu governo. 
Mas o debate da Band, mostrou que os " nanicos" estão a cada dia mais preparados, a ponto de Ogier Buchi, ser apontado como uma revelação da nossa politica. 

Para finalizar, digo que enquanto Beto Richa continuar mostrando o seu trabalho e respeitando o povo paranaense,  o eleitor continuará repudiando as " armações eleitorais" como o caso Ferreirinha e o 171 do " pedágio baixa ou acaba". A postura de Beto Richa no debate só reforça a visão de que existe uma nova politica no Paraná e que o Paraná está no rumo  certo.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

80% aprovam o governo de Beto Richa, diz Ibope

Oitenta por cento dos eleitores entrevistados pelo Ibope, entre os dias 21 e 23 de agosto, aprovam o governo Beto Richa (PSDB), diz a pesquisa divulgada hoje (terça-feira, 26) na RPC/Globo. A avaliação do governo tucano, entre ótimo (7%) e bom (36%) soma 43% e os que consideram seu governo regular, mais 37%. O total da avaliação positiva dá 80%. Oito por cento dos entrevistados consideram o governo tucano ruim, e 9% classificaram-no como péssimo. Três por cento não souberam responder.

O Ibope entrevistou 1.008 eleitores em 59 cidades. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná sob o número 00411/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR- 00411/2014.

Requião está revoltado com a mídia do Paraná

O senador Roberto Requião está revoltado com a imprensa paranaense que lhe cobra sobre os cavalos, voto contrário aos empréstimos do Paraná, aposentadorias, dólares do irmão Eduardo Requião, fim dos subsídios ao transporte público, entre outras questões. "Penitenciarias (sic) em revolta e a mídia quer discutir o capim e as minhocas comidas por cavalos e gansos do Kanguiri. É o tamanho deles", reclama Requião no sua conta no Twitter..